Terça, 02 de Março de 2021 22:41
(99) 98133-6017
Cidades MEDIDA

Projeto de criação da Escola de Trânsito começa a ser debatido em Imperatriz

Objetivo é reforçar ações preventivas com alunos do Ensino Fundamental.

15/01/2021 17h12
Por: Angra Nascimento Fonte: Assessoria
Em entrevista, a coordenadora Terezinha Miranda destaca importância do projeto (Foto: Gil Carvalho).
Em entrevista, a coordenadora Terezinha Miranda destaca importância do projeto (Foto: Gil Carvalho).

Em reunião realizada na manhã desta sexta-feira, 15, começou a ser debatido o projeto de criação da Escola de Trânsito de Imperatriz. Objetivo é reforçar ações preventivas, beneficiando centenas de alunos do Ensino Fundamental.

O Código de Trânsito Brasileiro (CTB) estabelece que a educação para o trânsito deverá ser promovida desde cedo, na pré-escola, assim como nas escolas de 1º, 2º e 3º graus, tanto públicas quanto particulares, “por meio de planejamento e ações coordenadas entre os órgãos e entidades do Sistema Nacional de Trânsito e de Educação, da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios, nas respectivas áreas de atuação”.

A coordenadora Terezinha Miranda considera de suma importância a implementação da Escola de Trânsito, a primeira do Maranhão, que focará na conscientização dos futuros motoristas com lições específicas sobre o trânsito, como por exemplo, noções de direção defensiva e legislação.

“Esse é um projeto embrionário, sonho que recebe o apoio do secretário de Trânsito, Leandro Braga, que desde o começo da gestão do prefeito Assis Ramos luta para reduzir, cada vez mais, os índices de acidentes de trânsito em Imperatriz”. Ela observa que o “código caracteriza tais ações como direito de todos e um dever prioritário para o Sistema Nacional de Trânsito – SNT".

Terezinha Miranda assinala que a “Escola de Trânsito também pretende resgatar valores cívicos, familiares e a formação de caráter do aluno integrante do projeto de educação para o trânsito”. “Essa iniciativa começará ainda no primeiro ano do ensino fundamental menor até o nono ano do ensino fundamental maior”, concluiu.

 

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.